[wpdts-date-time]

[spt-posts-ticker]

Colômbia e ELN adiam encerramento do terceiro ciclo de negociações em Cuba

Colômbia e ELN adiam encerramento do terceiro ciclo de negociações em Cuba

9 de junho de 2023

 

As delegações da Colômbia e os guerrilheiros do Exército de Libertação Nacional (ELN) anunciaram nesta quinta-feira que o encerramento do terceiro ciclo de negociações de paz que está ocorrendo em Havana, Cuba, foi adiado para esta sexta-feira, 9 de julho, a fim de “finalizar detalhes” dos acordos.

A decisão ocorre no meio da visita que o presidente colombiano, Gustavo Petro, planejou a Havana para encerrar esta fase de negociações na qual se espera o anúncio de um cessar-fogo bilateral entre as partes. Se acordado, o cessar-fogo duraria seis meses, segundo Otty Patino, chefe da equipe de negociação colombiana.

“Nas próximas horas viajarei a Havana para assistir ao encerramento do terceiro ciclo da Mesa Redonda de Diálogos de Paz”, disse Petro no Twitter.

As negociações de paz começaram no final de 2022 na Venezuela, onde foi antecipado o primeiro ciclo de negociações, que continuou no México em março deste ano e continuou em Cuba em 2 de maio. Estava previsto para terminar em 29 de maio, mas uma série de imprevistos e desentendimentos entre as partes atrasaram as negociações.

Sobre a sede do país onde ocorreria o quarto cenário das negociações, o governo e o ELN planejavam se reunir na Venezuela ou no Brasil, que se juntou em fevereiro como país garantidor do processo.

O ELN, fundado em 1964, buscou acordos de paz com diferentes governos, mas não conseguiu. Agora com Petro no poder, o primeiro presidente de esquerda da história do país, eles buscam pôr fim a um conflito que já deixou mais de 450 mil mortos.

Fontes[editar | editar código-fonte]
 

Colômbia e ELN adiam encerramento do terceiro ciclo de negociações em Cuba


@zipcms | Social Content


Publicado

em

por

Tags: